Notícias

Jogos Mundiais Universitários – Dia 2, rumo a Chengdu, na China

Na madrugada desta terça-feira (25) mais um grupo de atletas, técnicos e dirigentes da Confederação Brasileira de Desporto Universitário embarcou para Chengdu (China) para participar dos Jogos Mundiais Universitários de Verão. O avião fará uma escala em Addis Abeba (Etiópia) e a previsão de chegada na Ásia é às 15h45 (horário de Brasília) de quarta (26). 

A Confederação Brasileira de Desporto Universitário (CBDU) convidou a EBC para participar da cobertura, como integrante da delegação (atletas e equipe técnica). Estaremos com o Time UBrasil durante 17 dias de competições, acompanhando mais de 150 atletas em 11 modalidades. A abertura do evento será na próxima sexta-feira (28).  

Último dia no Brasil

O último dia no Brasil antes da viagem foi atarefado. Café da manhã bem cedinho, todos prontos, e já uniformizados, para ir ao Consulado Geral da República Popular da China tirar o visto.

O procedimento foi rápido, mas antes, como a delegação chegou na fila com bastante antecedência para a entrada no local, deu tempo de sobra para conversar, assistir à vitória da seleção brasileira feminina sobre o Panamá na Copa, acompanhar o Mundial de natação e até chamar um motorista da Uber para levar uma encomenda a um amigo.

Como assim chamar um Uber? Felipe Izidoro da Silva, atleta de salto triplo, trouxe uma lembrança para um amigo de São Paulo e aproveitou a espera para resolver a entrega do presente. Medalhista sul-americano Sub-20 e Sub-23, além de tetracampeão brasileiro, o paranaense de Foz do Iguaçu espera equilíbrio na competição.

Melhor marca na carreira

Felipe pratica atletismo há cinco anos e sua melhor marca na carreira é 16,16 metros. Ele entra na pista a partir do dia 1º de agosto. Com 1,90m de altura, ele sabe que vai travar uma leve batalha até chegar a Chengdu, já que as poltronas dos aviões nem sempre são espaçosas para quem cresceu um pouco mais que a média.

Depois de receberem o visto no Consulado, os atletas foram liberados, almoçaram e se reapresentaram no hotel da delegação às 16h, para fazer o teste de covid-19. Terminado o procedimento, era hora de arrumar as malas, enfrentar mais fila para fazer o check-in, esperar o avião chegar e dar tchau ao Brasil, no Aeroporto Internacional de Guarulhos, para uma longa viagem até o Oriente.

Fonte: Agência Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *